Meu Testemunho

Meu testemunho

Está seção contém um breve resumo do meu testemunho pessoal
Nasci num lar cristão e sempre ia à igreja. Eu ia à escola dominical e posteriormente ao grupo de jovens, lia a Bíblia e orava de vez em quando, mas confiava numa oração que fiz (oração do pecador) e assim  eu pensava que estava salvo.
Não havia nenhuma mudança em minha vida, nem evidência do trabalho do Espírito Santo regenerando-me (2 Coríntios 5:17; Ezequiel 26:26).
Continuei tendo uma convição falsa de minha salvação até que, no dia anterior à minha primeira aula na  Universidade,  eu assisti a um video no Youtube chamado  “A pregação chocante”, de Paul Washer.

Deus usou este sermão para regenerar-me e despertar-me acerca do meu estado pecaminoso e para dar-me arrependimento, quebrantamento pelos meus pecados e fé.
O sermão era sobre Mateus 7:13-2 e foi o versículo 21 que chamou minha atenção, porque eu havia sido ensinado que, se eu tão somente confessasse Cristo como meu Senhor, então estaria salvo,  baseado em Romanos 10:9. Eu não sabia, entretanto, que era necessário minha vida estar em conformidade com a vontade de Deus a fim de demonstrar que a minha declaração de fé foi genuína.

Depois de escutar a sermão eu saí do meu quarto e fui ao jardim para orar, sentindo a convição do meu pecado, clamei ao Senhor em oração por perdão até que eu tivesse certeza de que Deus havia me  perdoado.

A partir deste dia, comecei crescer em meu conhecimento da Palavra de Deus e também a ficar mais perto dEle, em comunhão através da oração, o que eu não fazia anteriormente.
Antes eu usava a oração como uma maneira de fazer uma lista de coisas que eu queria pedir a Deus. Por exemplo: orar para tirar uma boa nota em uma prova e por coisas materiais. Usava Deus como uma maneira de atingir um objetivo, como um humanista, em vez de procurar ao Senhor como um fim em si mesmo, para glorificar a Deus e não a mim.
Deus vem continuamente dando-me segurança de minha salvação desde aquele momento, pelas verdades contidas no livro de 1 João. Deus, por sua graça, me salvou de meu auto-engano, duma conversão falsa e, por intermédio do sangue precioso de Cristo (1 Pedro 1:18-19), ponho minha esperança no Deus vivo (1 Timóteo 4:10) em lugar da auto-suficiência.